Dicas

Mostrar compaixão pode ajudar colaboradores a aprender com erros

HBR
21 de agosto de 2015

Pode ser frustrante quando um empregado não está apresentando bom desempenho ou comete algum erro. Mas ao invés de expressar seu estresse e raiva reprimindo a pessoa, uma aproximação melhor é mostrar compaixão e interesse. Deixando de lado os julgamentos, separando um tempo para entender o que aconteceu e aconselhando o empregado para o futuro, você construirá lealdade e confiança, que podem ser convertidos em uma melhor performance. Uma resposta dada com raiva, por outro lado, abala a confiança e inibe a criatividade, elevando os níveis de estresse dos colaboradores. Então, primeiro, dê um jeito em suas emoções. É o momento de refletir sobre como você se sente e dar uma resposta mais consciente, razoável e plausível. Você deve querer ver a situação com um nível maior de detalhes. Então, coloque-se nos lugar do funcionário. Tente criar empatia por ele ou ela. Empatia, é claro, ajuda você a perdoar. E isso fortalece a relação, ao passo que promove lealdade.

Adaptado de “Why Compassion Is a Better Managerial Tactic than Toughness”, por Emma Seppälä

Compartilhe nas redes sociais!

replica rolex