Estresse

Como avaliar, gerenciar e fortalecer sua resiliência

David Kopans
6 de julho de 2018

Pense em sua última reunião fora do local de trabalho. É provável que você e o restante da equipe tenham despejado ali relatórios e planilhas, fatos e números. Esparramadas sobre a mesa estavam provavelmente as ferramentas de seu negócio: resmas de papel repletas de dados, balancetes e demonstrativos de lucros e perdas. Os gestores entendem que uma análise lúcida é o segredo para construir um negócio resiliente. E, ainda assim, quando se trata de mensurar e fortalecer nossa própria habilidade de adaptação, crescimento e prosperidade, raramente aplicamos a mesma abordagem metódica.

Mas é o que deveríamos fazer. Baseado em minha própria experiência em fundar, construir e expandir empresas, e também em décadas de pesquisas que mostram os componentes estruturais da resiliência pessoal, levantei alguns procedimentos essenciais que você pode adotar para avaliar, gerenciar e fortalecer sua própria resiliência, assim como aumentar a resiliência da empresa:

Crie sua moeda de positividade. Não é possível imprimir a resiliência da mesma maneira que os países imprimem dinheiro. Em vez disso, as pessoas devem usar o que chamo de abordagem da “moeda da positividade”, com base em interações, eventos e lembranças positivas – elementos que sabidamente aumentam a resiliência. Essa moeda só é “impressa” e armazenada como um ativo quando focamos em pontos positivos e expressamos nossa gratidão por eles. Por quê? Porque manter um enfoque positivo e expressar gratidão com frequência são as atitudes de ouro que realmente contribuem com a criação e o suporte para a resiliência.

Uma pesquisa realizada por Robert Emmons, da UC Davis, Michael McCullough, da University of Miami, e outros mostra claramente que essas atitudes estão entre os métodos mais confiáveis para aumentar a felicidade pessoal e a satisfação com a vida. A criação da “moeda da positividade” pode reduzir a ansiedade, aliviar sintomas de doenças e melhorar a qualidade do sono. E tudo isso, é claro, resulta em maior resiliência pessoal.

Mantenha registros. Nenhuma das ferramentas usadas para a avaliação das empresas funciona muito bem sem a manutenção de registros. Esse mesmo raciocínio se aplica ao desenvolvimento da resiliência individual. Registrar por escrito interações, eventos e lembranças positivas faz com que tenham mais valor do que se fossem apenas parte de atividades não escritas ligadas à moeda da positividade, de acordo com pesquisa realizada pelo criador da psicologia positiva, o Dr. Martin Seligman, da University of Pennsylvania. Registre suas transações com a moeda da positividade (anote-as todas) em um diário encadernado em couro ou em um equivalente digital. A classificação desses dados pode ser feita de maneira simples, reunindo as informações por “categoria” (por exemplo, família, amigos, trabalho, etc.) em um caderno comum, introduzindo as informações em uma planilha, ou conferindo hashtags a determinados itens em um diário digital de gratidão.

Crie um mercado em alta. Mercados financeiros atingem o auge quando um número cada vez maior de investidores quer fazer parte deles. Da mesma forma, nossa própria resiliência aumenta quando atraímos compradores de positividade para o mercado. Não é tarefa difícil; a positividade é socialmente contagiante. Na pesquisa que embasa seu livro Connected: the surprising power of our social networks and how they shape our lives (O poder das conexões: a importância do networking e como ele molda nossas vidas), Nicholas Christakis, da Harvard, e James Fowler, da University of California, em San Diego, explicam que a felicidade não depende apenas de nossas escolhas e ações, mas também das ações de pessoas que estão a dois ou até mesmo três graus de separação de nós. Isso significa que, ao sermos positivos, incentivamos os outros a fazê-lo – o que, por sua vez, cria um ciclo virtuoso de feedback positivo em que há apenas depósitos, e não retiradas, e no qual nossa resiliência é reforçada e fortalecida pelas ações dos outros.

Trabalhe com um portfólio. Negócios resilientes diversificam o risco. De modo análogo, indivíduos resilientes diversificam sua moeda de positividade. Procuram aumentar sua resiliência total avaliando que itens proporcionam os melhores retornos em todo o seu “portfólio de vida”, para depois investir nessas áreas. Na maioria das vezes, esses ativos de alto retorno provêm de nossa vida fora do escritório. De fato, embora passemos quase todo o tempo no trabalho, o emprego não deveria ser decisivo para criar nosso enfoque positivo geral. Em um relatório de 2015, chamado The happiness study (“O estudo da felicidade”), da Blackhawk Engagement Solutions, os respondentes classificaram seu emprego em oitavo lugar em uma lista de 12 itens que contribuem para sua felicidade geral. Nos primeiros postos estavam família, amigos, saúde, passatempos e comunidade. Faz sentido que, ao gerar mais positividade nessas áreas, você aumente sua habilidade de trazer o melhor de você para o trabalho.

Faça relatórios periódicos. Finalmente, da mesma maneira que uma revisão periódica das finanças da companhia é importante para criar um negócio resiliente, é preciso revisar constantemente os dados da moeda da positividade para criar resiliência individual. Essa revisão permite não apenas que você tenha insights claros e faça correções, mas também possibilita que impulsione sua resiliência ao aumentar sua exposição a interações positivas e expressões de gratidão. Como diz a famosa experiência de 2014, conduzida pelos cientistas de dados do Facebook e publicada no Proceedings of the National Academy of Sciences of the United States of America, se seu “feed de notícias” for positivo, você também será.

Mesmo que você não analise sua moeda de positividade profundamente, como faria um analista quantitativo de Wall Street, só o fato de você se expor a essa positividade de forma constante o tornará mais resiliente. Por isso, encontre um tempo para celebrar e pensar sobre sua moeda de positividade – costumo fazer isso de manhã, enquanto espero pelo café. Se você checar seus dados de positividade com frequência, seu nível de resiliência – aquele que vem dos amigos, família e colegas de trabalho – subirá.
—————————————————————————
David Kopans é o fundador e CEO da PF Loop, Inc., uma companhia que tem como missão gerar mais mudanças positivas no mundo por meio de softwares e serviços digitais baseados em pesquisas sobre psicologia positiva.

Compartilhe nas redes sociais!