Manter a cabeça fria no trabalho é fundamental para que as melhores decisões sejam tomadas e o time continue coeso. Mas essa serenidade pode ter uma consequência negativa: seu “personagem” calmo demais pode ser rígido a ponto de você esquecer de ser você mesmo e demonstrar suas emoções. Como líder, pode ser difícil entusiasmar sua equipe mantendo sempre um semblante sério. Da próxima vez que você estiver se preparando para um discurso ou reunião, pense no tipo de emoção que você gostaria que os membros da sua equipe sentissem. Escolha, então, palavras que se alinhem a elas. Se você quiser que o time se sinta confiante, deixe claro que está “orgulhoso” dele e das ideias “poderosas” que tem. Se a equipe estiver enfrentando um prazo apertado, fortaleça o caráter “crítico” da situação e mostre que está “ansioso” para ver os resultados e garantir que a organização não perca a oportunidade que se apresentou. Sem linguagem emocional, sua mensagem pode ser plana demais e falhar. Então seja incisivo sobre seus sentimentos, porque as emoções do líder são contagiantes. Se você projetar excitação e encorajamento, seu equipe com certeza entenderá o recado e acatará com energia. Adaptado do artigo “New Managers Shouldn’t Be Afraid to Express Their Emotions”, de Kristi Hedges.

Share with your friends









Submit